ARTESANATO DE NATAL É DESTAQUE NA FEIRA QUE ACONTECEU NA TRADICIONAL FESTA DE SANTANA DE CAICÓ


Foto: Semtas

Com a finalidade de fortalecer e fomentar o desenvolvimento do artesanato natalense, de forma integrada com o turismo e a cultura, visando a melhoria das condições de vida dos artesãos e preservando os aspectos culturais e ambientais, a Prefeitura do Natal por meio da Secretaria municipal do Trabalho e Assistência Social (Semtas), participou da 37ª Feira de Artesanato dos Municípios do Seridó  (Famuse), em Caicó, no Complexo Turístico Ilha de Sant’Ana. Durante o evento a Semtas contou com a participação de oito artesãos e duas economias solidárias, apresentando seus trabalhos em um estande montado no espaço Dona Maria Vale,  na própria ilha de SantAna.

O stand da secretaria no evento conta com artesanatos de tipologias como: Bordado, pirogravuras, decoupage, costura, montagem, marcenaria, croché, escultura, macramê. A secretária da Semtas, Ana Valda Galvão, informou que a gestão ofereceu aos profissionais estrutura de transporte, alimentação e hospedagem.

A titular da Semtas destacou ainda que a gestão municipal tem um olhar atento para o artesanato, reconhecendo a sua importância cultural, artística e econômica: “Não tem faltado incentivo por parte da administração do prefeito Álvaro Dias quando o assunto é a política municipal de apoio ao artesanato. Estamos sempre participando de feiras.  A feira de artesanato de Caicó é uma referência neste período da festa de SantAna. Por aqui, passam milhares de pessoas nos dias de festejo. Um momento importante para o nosso artesão apresentar o seu trabalho. Estamos desenvolvendo a economia e incentivando o artesanato natalense”, disse Ana Valda Galvão.

Além disso, afirmou que a participação dos artesãos em eventos fora da cidade contribui para levar o rico artesanato natalense para outros lugares e  para o crescimento econômico. “Por meio do artesanato é possível encontrar a arte vinda do povo. A missão da nossa gestão é ajudar a desenvolver ainda mais o trabalho dos artesãos.”

Para a artesã Christiane Peres que trabalha com artesanato há quatro anos, a feira de Caicó  foi um espaço de comercialização muito importante para as vendas. “A feira foi muito boa, foi minha primeira ida à Famuse e foi bem satisfatória. Teve uma importância grande participar dessa edição, nessa volta pós pandemia, para poder mostrar meu produto, conseguir captar mais clientes e com as vendas me manter no mercado.  É muito importante que a Prefeitura consiga manter esse padrão de feiras para ajudar no nosso crescimento profissional”, afirma Christiane que trabalha com Amigurumi, um brinquedo decorativo e seguro para as crianças desde o nascimento.

Economia solidária

A Semtas incentiva e estimula grupos de produção coletiva, buscando o fortalecimento da Economia Solidária na perspectiva da inclusão social e do desenvolvimento justo e solidário, mediante políticas integradas. Visa à geração de emprego e renda e o desenvolvimento de cadeias/arranjos produtivos.

Atualmente são cadastradas 18 associações que são beneficiadas com a participação em feiras, eventos e projetos variados. A Semtas também acompanha a organização social das associações.

 
Publicidade

Compartilhe

Veja Mais

PREFEITURA DE MOSSORÓ PROMOVE NESTE DOMINGO A 1ª EDIÇÃO DO PROJETO RIO BRANCO CULTURAL
PREFEITURA DE PARNAMIRIM LANÇA SELEÇÃO PARA COMPOR PROGRAMAÇÃO DA FESTA DO SABUGO 2022
ESCOLA M. PROF. ARNALDO MONTEIRO REÚNE COMUNIDADE ESCOLAR EM FESTEJO CULTURAL
NÍSIA FLORESTA: ESCOLA YAYÁ PAIVA REALIZA MAIS UMA EDIÇÃO DO PROJETO “MÚSICA NA ESCOLA”
AGENDÃO CULTURAL DA PREFEITURA DO NATAL PARA ESTE FIM DE SEMANA