FEIRA MULTICULTURAL FORTALECE EMPREENDEDORISMO FEMININO NA PRAÇA CÍVICA DE NATAL



A programação  conta com feira de economia criativa, oficina de braile, vivências e performances. O acesso é gratuito.

Criada para desenvolver o consumo cultural e a circulação de bens dando acessibilidade às pessoas com deficiência a eventos culturais; além de reconhecer e valorizar a diversidade cultural, étnica e regional da cultura potiguar; a III Feira Multicultural Aruandê teve edições anteriores realizadas na Praça Pe. João Maria, dentro da programação do Julho das Pretas.

Para Pretta Soul, rapper e empreendedora no Studio Aruandê, espaço de acolhimento, formação e valorização ancestral através das tranças, a Feira Multicultural Aruandê tem o objetivo de valorizar o protagonismo feminino no empreendedorismo. “A Feira Multicultural Aruandê tem como objetivo mostrar e valorizar empreendedoras de diversos segmentos, como culinária artesanal, crochê, roupas africanas e artigos religiosos. Ao apresentar esses talentos ao público potiguar, a feira busca fortalecer a independência financeira dessas mulheres.

A programação da III Feira Multicultural Aruandê – Pretas na Praça  conta com acessibilidade comunicacional através de  audiodescrição e de intérpretes de Libras. A animação fica por conta da DJ Sister Mika Black e show com as cantoras Analuh Soares, Pretta Soul, Cida Lobo, Cleide Soares

O projeto tem o patrocínio da Lei Paulo Gustavo em parceria com a Prefeitura Municipal de Natal e o Governo Federal através do Ministério da Cultura . Realização pelo Studio Aruandê, Pretta Soul e MV Produções - Projetos Criativos.

Veja a programação:
14h – ABERTURA DA PROGRAMAÇÃO
Criatividade e empreendedorismo feminino em 24 stands com temáticas e produtos criados/oferecidos por mulheres. A programação visa apoiar e promover o empreendedorismo com o objetivo de criar um cenário empresarial mais inclusivo e equitativo para mulheres.

14h - Discotecagem – Syster Mika Black
Momento para trazer à cena cultural potiguar o Sound System, com músicas em formato vinil aos moldes como era feito na década de 70 na Jamaica, resgatando a era dourada do reggae em um formato marcado por apresentações repletas de improvisos, criatividades e sonoridades diversificadas do universo da música jamaicana, tocando o melhor do Reggae Roots, Dancehall, Lovers Rock’s e Ragga.

15h- Debate Respeita Elas: Mulheres na cena artística Potyguar.
Debatedoras: Tatá Brasil e Rouxinol                                                                                                                         
Mediadora: Aisha Lemos

16h – Oficina de Braile – Professora Dilma Cléa (Instituto dos Cegos do RN) a

17h – Quando Oxum me Banha, Sou Amor - Vivência com Iyalê

18h – Performances Dança 

Você vai encontrar seu Caminho – Nimba Khadija
Uma Gota – Lara Kuhn

19h – Encantos Negros:  Show de Encerramento: 
Com as cantoras Analuh Soares, Pretta Soul, Cida Lobo e Cleide Soares.

A proposta do show é celebrar a ancestralidade negra na música brasileira e difundir os trabalhos autorais realizados pelas artistas nas diversas cenas musicais da capital potiguar, homenageando vozes negras de diferentes gerações.

SERVIÇO:
III Feira Multicultural Aruandê – Pretas na Praça
Dia da semana: domingo (19)
Horário: 14h às 21h
Local: Praça Pedro Velho (Praça Cívica), Petrópolis, Natal - RN, 59020-395
Informações: https://www.instagram.com/studioaruande 
Classificação indicativa: Livre

Assessoria de Comunicação:
Cecília Oliveira - Comunica Ceci 
@ceciiioliveira

Publicidade

Compartilhe

Veja Mais

PROJETO DE STYVENSON DE CASTRAÇÃO QUÍMICA PARA PRESOS POR CRIMES SEXUAIS É APROVADO NA COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA
PROMULHER INAUGURA ESPAÇO DE APOIO ÀS VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
NÍVEL DO LAGO GUAÍBA FICA ABAIXO DOS 4 METROS PELA PRIMEIRA VEZ EM 20 DIAS
VEJA QUEM É O PASTOR QUE FAZIA UNÇÃO DA SACANAGEM E PRATICAVA RELAÇÕES SEXUAIS COM FIÉIS
PREFEITO DE SÃO TOMÉ, BABÁ PEREIRA, PARTICIPA DA XXV EDIÇÃO DA MARCHA EM DEFESA DOS MUNICÍPIOS

Comentários (0)

Deixe seu comentário