PF INVESTIGA DESMATAMENTO EM ÁREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL EM ESPÍRITO SANTO, INTERIOR DO RN



A Policia Federal indiciou na última quinta-feira, 11/4, dois empresários que são investigados por promover desmatamento não autorizado no município de Espírito Santo/RN, mais precisamente na  Área de Proteção Ambiental Piquiri-Uma,  inserida no bioma Mata Atlântica.

O desmatamento, realizado para fins de plantio de cana-de-açúcar, tem sido feito mediante a utilização de tratores de esteira e outras máquinas. O dano ambiental foi constatado por meio de exame pericial que demonstra vasta derrubada de mangabeiras na área de coleta de mangaba dos rurícolas da etnia "Catu", os quais encontram-se sob regularização perante a FUNAI, como indígenas. No final do mês de janeiro passado, o IDEMA já havia autuado o empresário mandante, e notificado um outro empresário, executor do desmatamento, proprietário dos tratores de esteira, além de outras máquinas.

A Polícia Federal seguirá com a investigação e vai ouvir outros envolvidos nos crimes ambientais contra a flora daquele município.

Após o indiciamento e concluído o inquérito policial, os autos serão enviados ao Ministério Público Federal par fins de ajuizamento de processo criminal contra os responsáveis pelo desmatamento.

Publicidade

Compartilhe

Veja Mais

BANDIDOS ATIRAM CONTRA VIATURA DO BP CHOQUE EM NOVA PARNAMIRIM E POLICIAIS REAGEM; QUATRO CRIMINOSOS MORRERAM
POLÍCIA CIVIL CAPTURA NO BAIRRO DAS QUINTAS OS DOIS FUGITIVOS DE ALCAÇUZ
TENTATIVA FRUSTRADA: POLICIAIS PENAIS DESCOBREM BURACO E CONSEGUEM EVITAR MAIS UMA FUGA DE ALCAÇUZ
‘BLACK MARKET’: QUADRILHA ESPECIALIZADA EM GOLPES NA OLX É DESMONTADA PELA POLÍCIA EM NATAL
CAIXA COM 3 KG DE SKUNK É APREENDIDA ENTRE ENCOMENDAS NA RODOVIÁRIA DE NATAL

Comentários (0)

Deixe seu comentário