SENADO APROVA URGÊNCIA DE PL QUE ACABA COM "SAIDINHA" DE PRESOS



Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil

O projeto de lei que põe fim às saídas temporárias de presos teve o requerimento de urgência aprovado pelo plenário do Senado nesta quarta-feira (7). Com isso, o projeto ganha prioridade na pauta de votações da Casa, já no plenário. A expectativa é que a matéria seja incluída na pauta após o recesso de Carnaval.

A discussão em torno do tema ganhou força após a morte do policial militar Roger Dias da Cunha, baleado em Belo Horizonte, em janeiro deste ano. Segundo a Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais, o autor dos disparos era um condenado pela Justiça.

As pessoas encarceradas que têm direito à saída temporária, as chamadas "saidinhas", são aquelas que estão no regime semiaberto, ou seja, que já podem deixar o presídio em algum momento para trabalhar, estudar ou para atividades que possam contribuir para sua reintegração social.

O texto em análise no Senado também obriga a realização de exame criminológico como requisito para a progressão de regime e para a autorização de regime semiaberto. A análise deverá comprovar que o detento tem condições de se adaptar ao novo regime com autodisciplina, baixa periculosidade e senso de responsabilidade.


Publicidade

Compartilhe

Veja Mais

GOOGLE DEMITE FUNCIONÁRIOS QUE PARTICIPARAM DE PROTESTO
DEPUTADA ENCONTRA CÂMERAS ESCONDIDAS EM QUARTO DE HOTEL EM BRASÍLIA
3R REALIZA TERCEIRO AUMENTO CONSECUTIVO E GASOLINA TEM ACRÉSCIMO DE R$0,05 NO RN
ALERTA AOS MOTORISTAS: NOVO IMPOSTO OBRIGATÓRIO PODERÁ RESULTAR EM MULTA E PERDA DE PONTOS DA CNH
BRASIL REGISTROU MÉDIA DE 495 OCORRÊNCIAS DE TRÁFICO DE DROGAS POR DIA EM 2023

Comentários (0)

Deixe seu comentário