TURISTA DE RORAIMA QUE MORREU AO CAIR DE FALÉSIA EM PIPA É IDENTIFICADA




A turista do estado de Roraima que morreu ao cair de falésia em Pipa, região da cidade de Tibau do Sul, no litoral do Rio Grande do Norte, teve sua identidade confirmada na manhã desta quinta-feira (18). A vítima foi identificada como a servidora Ana Carla Silva de Oliveira, de 31 anos, da Assembleia Legislativa de Roraima.

Por meio de nota divulgada nas redes sociais, a Casa Legislativa do estado lamentou a morte da servidora e prestou solidariedades a aos familiares. Ana estava no RN com parentes.

Leia a nota na íntegra abaixo:

“A Assembleia Legislativa do Estado de Roraima lamenta a morte precoce da servidora Ana Carla Silva de Oliveira, ocorrida nesta quarta-feira, 17 de janeiro, em Pipa, no Rio Grande do Norte. A Mesa Diretora, demais parlamentares e servidores, em especial do gabinete do deputado Dr. Cláudio Cirurgião, colegas de Ana Carla, prestam condolências e solidariedade a familiares e amigos neste momento difícil”.

O acidente

O acidente foi registrado na tarde dessa quarta-feira (17), em trecho próximo à Praia de Sibaúma, no litoral do município. Ana e sua cunhada estavam em um quadriciclo, que passava pelo local, quando caíram da falésia. Policiais militares e duas equipes da Unidade Mista de Saúde do município foram acionados até o local, sendo os primeiros a prestarem socorro. Porém, ao chegarem no local, constataram a morte da servidora.

A cunhada de Ana foi socorrida com vida e encaminhada ao hospital Walfredo Gurgel, em Natal. Até a publicação desta matéria, não há atualizações sobre o seu estado de saúde.

Tribuna do Norte

Publicidade

Compartilhe

Veja Mais

VENTANIA DERRUBA COBERTURA DE POSTO DE COMBUSTÍVEIS EM CRUZETA
PARTE DE TETO DO ESTÁDIO NOGUEIRÃO DESABA COM CHUVAS EM MOSSORÓ
HOMEM MATA EX-COMPANHEIRA E EM SEGUIDA TIRA A PRÓPRIA VIDA EM SÃO FRANCISCO DO OESTE
MULHER MORRE APÓS CAIR DE FALÉSIA EM QUADRICICLO NA PRAIA DE PIPA
DELEGADO DO RN MORRE APÓS BATER CARRO CONTRA POSTE EM GOIÂNIA

Comentários (0)

Deixe seu comentário